Notícias



Busca

Pesquisa personalizada





Usina de Soluções Tecnologia da Informação

 

 

História da Família Prado

 

 

 

PRADO: Do latim "Pratum" significaria um descampado, campo, pasto. Prado, portanto, é um nome português de origem toponímica que significa "Aquele que veio da pradaria", "do campo", "do prado". Os romanos deram este nome a uma deusa, que era invocada para a proteção em jornadas difíceis. No Brasil, o patriarca da família foi João do Prado, que segundo Silva Leme, autor do livro Genealogia Paulistana, é natural da praça de Olivença (povoação lindeira no Alentejo-Portugal) de nobreza há muito conhecida, que veio nos princípios da povoação de São Vicente com muitos outros nobres povoadores na companhia do donatário Martim Affonso de Sousa pelos anos de 1531. João do Prado casou-se com Fellipa Vicente, filha dos portugueses Pedro Vicente e D. Maria de Faria, também dos primeiros povoadores e que em 1554 eram agricultores de grandes canaviais e tinham parte no engenho de açúcar de São Jorge dos Erasmos. João do Prado fez estradas no sertão onde conquistou muitos índios bravos e com eles se estabeleceu em São Paulo de Piratininga, onde serviu os cargos do governo, inclusive o de Juiz Ordinário em 1588 e 1592. Foi pai de Maria do Prado que se casou com Miguel de Almeida e Miranda, natural de Cascais-Portugal. Estes últimos foram pais de Filippa de Almeida Prado, que se casou com João da Cunha Lôbo (descendente de Don Fruela II, rei de Leão, Astúrias e Galízia no ano de 923). Filippa e João Lôbo foram pais de Miguel de Almeida Prado, avós de João da Cunha de Almeida, bisavós de Lourenço de Almeida Prado e trisavós de João de Almeida Prado (Cavaleiro do Hábido de Cristo de Itú-SP).

Ancestrais da Família Thom de Souza:

Domingos Bueno do Prado - nascido em Jahu (atual Jaú-SP) no ano de 1850. Como os fundadores de Jaú-SP vieram de Itú, deduz-se que Domingos Bueno do Prado seja descendente da família de João do Prado e Fellipa Vicente, portugueses fundadores da Capitania de São Vicente.

 

 

Voltar